Páginas

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Cepac apoia Grupo de Trabalho de Ação Cidadã no Loteamento Esperança em Macaíba

Cepac apoia Grupo de Trabalho de Ação Cidadã no Loteamento Esperança em Macaíba




Cepac, entidade de assistência técnica participa de processo formativo na comunidade urbana periférica de Macaiba, comunidade do Loteamento Esperança. O processo começou a acontecer neste domingo, 18 de maio e ocorrerá por um período que buscará capacitar e construir uma agenda de defesa da cidadania e dos direitos dos moradores daquela comunidade. O momento do dia 18/05, foi discutido Política e Participação Política. No final do processo de formação foram tirados encaminhamentos para a defesa dos direitos locais.

segunda-feira, 12 de maio de 2014



COLEGIADO TERRITORIAL TERRA DOS POTIGUARAS
Parnamirim - Extremoz - São Gonçalo do Amarante - Macaíba- Natal
 CONVITE
 O Colegiado Territorial, Terra dos Potiguaras convida Vossa Senhoria para a Reunião Extraordinária do Colegiado a ser realizada no dia 14 de maio de 2014,                   às 9h00min, no Auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Macaíba, situado à Rua: Gov. Dinarte Mariz, 67, Centro-Macaíba.
 Programação:
9h00min- Informes das Ações voltadas ao Desenvolvimento Territorial;
9h30min- Reorganização da composição do Colegiado Territorial;
            10h30min- Recebimento do levantamento de demandas de cursos para o PRONATEC CAMPO.
11h00min- Encaminhamentos. 

Contamos com a presença de todos. Sua presença é valiosa.

 Coordenação Executiva
                                                                    Terra dos Potiguaras

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Cepac Macaíba reune nova diretoria e constroi agenda mensal

O Cepac de Macaíba reuniu-se na tarde de hoje, 23/04/2014, para construir sua nova agenda de reuniões da nova diretoria. Foi definido que quinzenalmente a diretoria irá se reunir em sua sede, situada a rua Alfredo Mesquita, antiga rua nova, para debater e encaminhar os limites e detalhes administrativos da entidade. Estiveram presentes na reunião, o presidente da entidade João Marques, o vice-presidente, Jair Macedo e os dirigentes Maxson Savelle tesoureiro, Allan Victor segundo tesoureiro e o secretário de organização Severino Ramos. A reunião tratou discutir o novo perfil da entidade e a nova administração.

domingo, 9 de março de 2014



Proposta do Seminário que o Cepac promove sobre Segurança Pública na Região Metropolitana de Natal


O seminário será formatado em dois momentos. Um primeiro momento, a partir de uma mesa composta dos seguintes membros: Coordenação da mesa: Cepac. Expositor 1: Representante da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte; Expositor 2: Representante do Ministério Público com assento no Município de Macaíba ou indicação do CAOP CRIMINAL e expositor 3: Representante do Conselho Estadual de Direitos Humanos do RN. Além destas autoridades, a representação do Poder Judiciário. A tarefa de cada membro da mesa, será em um tempo de 30 minutos, expor sua visão  a  respeito da insegurança existente na Região Metropolitana de Natal e caso possível, apresentar propostas. Ao final das exposições, será aberto para os participantes do seminário, para apresentar indagações ao debate.
No segundo momento, os grupos das cidades participantes da RMN, passarão a construir um conjunto de ações organizadas pela sociedade civil e pelos poderes públicos constituídos para atuação nas cidades. 
No final, deverá ser construído um relatório que será entregue aos Governos Federal e Estadual e um plano de políticas públicas para atender a criança, ao adolescente e juventude na Região Metropolitana de Natal. Uma das metas deverá ser a busca pela implantação de uma  POLITICA PÚBLICA DE COMBATE AS DROGAS NA REGIÃO METROPOLITANA DE NATAL.

domingo, 28 de julho de 2013

O CEPAC participa da 2ª Conferência Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário do Território Terra dos Potiguaras


Esta semana, dia 25 de julho, o CEPAC, assessorou o processo de mobilização da 2ª Conferência Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário do Território Terra dos Potiguaras, que compreende os municípios de Natal, Macaíba, São Gonçalo, Parnamirim e Extremoz. O evento aconteceu na UNP de Parnamirim e contou com a participação de diversos movimentos, instituições do poder público dos três entes de federação e organizações da sociedade civil. 

A 2ª conferência acontece nas etapas Territoriais, Estadual e Nacional com a finalidade de debater e deliberar sobre questões estratégicas para o desenvolvimento rural sustentável e solidário do território. Bem como elaborar proposições que vão subsidiar a elaboração, revisão e/ou qualificação dos Planos Municipais e Territoriais de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário. Além da construção de proposições para os Planos Municipais e Territoriais. Na ocasião, foram eleitos delegados para representar as propostas do território na etapa Estadual.

quinta-feira, 7 de março de 2013

NOTA PÚBLICA DO MNDH

NOTA PÚBLICA DO MNDH

O Movimento Nacional de Direitos Humanos 
 MNDH, através de sua coordenação, vem publicamente se manifestar  com relação a indicação e eventual eleição do Deputado Federal Pastor Marco Feliciano para assumir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados Federal.
Consideramos a referida Comissão de Direitos Humanos como um espaço público, político e democrático de maior importância do Poder Legislativo Nacional, em que ao longo de sua história e propósito legislativo, tem sido merecedor de respeito  e desenvolvido atuação definitiva diante de todas as lutas e avanços que ocorreram no Brasil a partir de 1988 em prol dos Direitos Humanos;
Consideramos que a referida Comissão de Direitos Humanos, tem a incumbência de receber e encaminhar  as denuncias de violações de direitos humanos, e historicamente tem se constituído nesse espaço de resistência sem que haja de seu mandatário, qualquer  julgamento moral e político que seja contra as pessoas ou grupos vitimas de violações de Direitos Humanos e
Consideramos a referida Comissão de Direitos Humanos, um espaço de diálogo entre os poderes constituídos, os movimentos sociais e sociedade civil, um território onde a prática política de liberdade de expressão e de reivindicação de ações concretas na defesa, proteção e promoção dos direitos humanos para que a pluralidade do povo brasileiro seja incorporadas nas políticas públicas e concretizem a realização dos Direitos Humanos individuais e coletivos.
O MNDH manifesta-se contrario a que a Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal venha a ser ocupada por parlamentares que tenham manifestações publicas contrarias aos direitos humanos, assim sendo compreende, que o postulante e indicado para ao cargo de presidente da referida comissão, Deputado Federal Marco Feliciano não possui perfil condizente com a missão desse colegiado,  pelo sua trajetória e histórico marcado por  declarações públicas contra a dignidade e liberdade de expressão a grupos sociais.
O MNDH solicita aos Srs. Deputados e Deputadas e lideres partidários, que reavaliem tal possibilidade, sob pena de provocar um profundo desgaste entre a Câmara Federal e os Movimentos Sociais e sociedade civil em geral, maculando ainda mais a imagem política desta Instituição,  descredibilizando-a  como espaço de promoção e defesa dos Direitos Humanos.


A Coordenação


SEDE NACIONAL - MNDH
END:SEPN 506 - BLOCO C MEZANINO, SALA 14 - A
CEP:70740-503 - BRASÍLIA - DF
BRASIL

domingo, 3 de março de 2013

Construção do Planejamento Rádio Cepac

Construir uma rádio Comunitária a luz da comunidade, sem cair nos formatos de rádios comunitárias que se comercializam e perdem a dimensão comunitária é algo muito difícil. É a partir desta compreensão que a equuipe do Cepac realizou o planejamento da Rádio Cepac. O evento foi moderado pelo assessor do Cepac, o sociólogo Jair Macedo e contou com a participação dos membros de entdiades que fazem parte do Conselho Comunitário da Rádio e  comunicadores sociais dos programas de rádio existente na grade de programação. No planejamento foi possível perceber a preocupação de todos em garantir a dimensão sempre  comunitária da rádio. Hoje com dificuldades financeiras de manter seus trabalhos administrativos e burocráticos, tem conseguido funcionar, passar a mensagem comunitária e não perder seus princípios. Foi com a tarefa também de fortalecer-se enquanto RÁDIO COMUNITÁRIA que assim é, que foi proposto um conjunto de ações e atividades formativas para o ano de 2013.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Cepac instala Unidade de Serviços no Ceará



Orientações para criação de uma Unidade de Serviços do Cepac
Para cada membro voluntário do Cepac começar a atuar por comunidade, local de trabalho, de estudo ou por grupo social, sugere-se os seguintes passos:a)   – Buscar ler textos relativos a formação de Economia Solidária;b)  – Conhecer um pouco da história geral da humanidade, tentando buscar conhecer os períodos históricos da humanidade, a partir da pré-história até a atualidade, período conhecido como “contemporaneidade”;c)   – Criar um grupo de estudos, em seu entorno, no local onde vai funcionar a Unidade de serviços do Cepac;d)  – Buscar identificar os vários problemas existentes no espaço social de trabalho(moradia, trabalho ou grupo que atua), para a partir do estudo da realidade, buscar construir uma agenda social que busque transformar a realidade social vivenciada;e)   – Elaborar um projeto que busque ajudar as pessoas acompanhadas pelo Cepac.2 – Passos para construir uma reunião:a)   – Identificar que tem afinidade com o projeto Cepac;b)  – Criar uma rede de e-mails, telefone e endereços dos apoiadores Cepac;c)   – Elaborar convite que deverá ser enviado por digital ou entregue pessoalmente para discutir a construção da unidade de ação cepac;d)  – Sempre ter ata de reunião ou livro de registro do que foi deliberado e quem ficará para executar;e)   – Nunca finalizar uma reunião sem marcar nova reunião ou encaminhamentos para não perder o controle do processo e os encaminhamentos.3 – Todo o trabalho realizado deverá ser informado ao coordenador de projetos do Cepac, através de e-mail(capac_cidadania@yahoo.com.br) e qualquer dúvida ser tirada por telefones: (84)3271-1231 ou(84)9187-7083

domingo, 17 de fevereiro de 2013

CEPAC APOIA CARNAVAL DE RUA EM MACAÍBA

Após 8 anos de espera, a população e principalmente os moradores da Rua Alfredo Mesquita (Rua Nova) ficaram felizes com a volta do bloco. O evento reuniu pessoas de outras comunidades vizinhas como Campos das Mangueiras, Olimpio Maciel, Raiz e de lugares como Lagoa do Tapará e Vilar "de cima".
"Ouvimos muito a população lamentar que Macaíba não tem mais carnaval como antigamente, hoje eles pegam o paredão e colocam bandas da atualidade com músicas que não tem relação com o carnaval. Mas o Janela da C. M. acredita que o verdadeiro carnaval, com suas marchinhas, máscaras etc ainda respira em nossa cidade. podemos ver isso com o Tradicional Bloco das Quengas da Rua Nova."
A ONG CEPAC (Centro de Estudos, Pesquisas e Ação Cidadã) na pessoa do seu presidente, Severino Ramos, agradece a todas as comunidades e a seus assessores/mobilizadores que fizeram com que o bloco fosse realizado. A equipe contou com o Profº João Marques na coordenação Geral, o Produtor Cultural Maxson Savelle, Jair Macêdo, Jailson Silva e Billy Jean.
Depois de percorrer as ruas da cidade alegrando por onde passava o bloco volta ao lugar de início (Rua Nova) para a premiação do 1º lugar das Quengas e do 1º lugar dos Travestis, e mobilizou os participantes para o desfile dos mesmos no centro da rua.

Os jurados analisaram a Performance, Figurino e Carisma dos participante
 Resultado:  o 1º Lugar das Quengas (Foto-1) e na categoria Travesti (Foto-3) houve empate, com os participantes dividindo o prêmio.

Foto 2 - 1º lugar Quenga

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Cepac contribue com a cultura do municipio de Macaíba: O tradicional Bloco das Quengas da Rua Nova está de volta

Após oito anos o tradicional Bloco das Kengas da Rua Nova está de volta neste carnaval 2013! Com  a organização do Cepac o bloco sairá na próxima sexta (08). A concentração será na Rua Nova apartir das 19:00 e a saída está marcada para as 21:00 hrs, o término será no Forró da Lagoa. A animação da festa contará com muito pagode e frevo.

Este ano as mais belas Kengas escolhidas por um corpo de júri ganhará prêmios. Coloque sua fantasia e venha participar deste tradicional bloco!